quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

Prefeito Bira lança programa Peixe na mesa. Esse é mais um compromisso firmado em campanha que começa a se concretizar


O objetivo é incentivar e valorizar a atividade de piscicultura do município tendo como principal desafio o desenvolvimento econômico da região de forma inteligente e responsável.

O lançamento do Programa Peixe na mesa aconteceu nesta terça-feira pela manhã na Casa Branca com a presença de cerca de 100 produtores e produtoras rurais que ficaram interessados em criar peixes.

Após a apresentação do Peixe na Mesa o prefeito Bira abriu espaço para o esclarecimento de dúvidas e logo em seguida quem pretende aderir ao projeto preencheu o requerimento de dispensa do licenciamento ambiental. O próximo passo será a visita técnica na propriedade de cada uma das famílias cadastradas e em seguida a consulta de créditos nos Bancos da Amazônia e do Brasil que financiarão parte do investimento.


O Projeto Peixe na Mesa “Apoio ao Programa de Desenvolvimento da Cadeia Produtiva da Aqüicultura Familiar no Município de Xapurí visa o fortalecimento da cadeia produtiva do peixe com a construção de 100 açudes em parceria com o Governo do Estado e financiamento via instituições financeiras do custeio da produção.”

A iniciativa prevê a construção de um açude com 23 horas/trator para cada propriedade com previsão de área alagada de aproximadamente 0,5 hectares por açude, com aproximadamente 1,5 m de profundidade. Além disso, o produtor receberá capacitação em gerenciamento da piscicultura, tecnologia de produção e formas associativas na produção aquícola.

O produtor terá que buscar recursos junto aos bancos para a aquisição de ração e alevinos para o inicio da criação.
De acordo com o prefeito os açudes serão construídos exclusivamente para a atividade de piscicultura. “Nós, em parceria com o Estado estamos dando uma oportunidade para que esses produtores possam experimentar essa atividade e poder gerar sua renda de forma sustentável. Iremos dar o ponta-pé inicial e ofereceremos assessoria técnica ao projeto, porém, o produtor terá que ter vontade e disposição para continuar, o açude é para criar peixe. “

Para Raimundo de Barros, o peixe na mesa vai ajudar e muito a comunidade Rio branco onde ele mora e também quem fizer parte do programa. Segundo ele a assessoria técnica vai ser fundamental para o sucesso do projeto.

Até o final da reunião deram entrada no Projeto Peixe na Mesa, cerca de 80 produtores de Xapuri. Esse é mais um compromisso de campanha do plano de governo “Xapuri Merece respeito” que começa a se concretizar no município.


Fernanda Gomes/ Assessoria PMX  
← Anterior Proxima → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário